Goose Island IPA – Geladas

goose_island_ipa_resized

IPA, IPA, Hurra!”. Hurra é uma saudação, um grito de alegria usado por marinheiros para saudar seus comandantes ou pessoas notáveis que visitam o navio. A analogia que fiz foi apenas uma brincadeira, mas traduz literalmente a alegria que tive ao tomar a cerveja destaque de hoje… a Goose Island IPA!

A Goose Island IPA é uma english IPA, carro-chefe da marca.  A Goose Island começou as suas atividades num simples pub aberto por John Hall, em 1988, em Chicago. O nome foi escolhido para homenagear uma ilha próxima da região. Já em 1995, foi aberta a cervejaria e em 2011 ela foi vendida para a Anheuser-Busch InBev.

Ao servi-la no copo você já notará uma leve diferença na coloração, que puxa para o âmbar claro. No aroma, o lúpulo é dominante e é a principal estrela dessa cerveja, que passa pelo processo de dry-hopping (lembre-se da técnica aqui). Mas o que torna essa cerveja espetacular, é o corpo leve e o ótimo drinkability, tão alto que parece até uma Session IPA.

Já foi várias vezes premiada, levando medalha de ouro em 2010 no World Beer Cup, em 2004, 2007 e 2009, medalha de prata no Great American Beer Festival, em 2001 e 2000 medalhas de bronze e ouro, respectivamente, no mesmo festival.

goose-island-ipa-bottle-copieCerveja: Goose Island IPA

Transparência: Translúcida

Cor: Âmbar

Espuma: Creme branco de boa formação, mas média persistência

Aroma: Cítrico e herbal

Sabor: Cítrico e frutado, com leve amargor, corpo leve e ótimo drinkability

Copo: Caldereta

img_0743

Gosta de IPA’s? Então veja também aqui, aqui, aqui e aqui.

Geladas – Júpiter IPA

6077-cervejaria-jupiter-98-1398642702

Incrementando minha coleção de garrafas, a estrela de hoje é Júpiter IPA. O resumo dessa cerveja deveria lúpulo, lúpulo e mais lúpulo. Mas brincadeiras à parte, ela é a primeira cerveja do Brasil com a técnica de lupulagem contínua. Lupulagem é o nome dado à adição de lúpulo durante a produção da cerveja e normalmente adicionada em dois momentos: uma hora antes de desligar o fogo e um minuto antes de interromper a fervura. Essas adições possuem funções diferentes, sendo a primeira aquela que dará o amargor típico à cerveja por conta do cozimento das resinas (iso-alfa-ácidos); e a segunda a que trará o aroma por conta dos óleos essenciais (herbal, cítrico, frutado, etc.).

No caso da Júpiter IPA a cada 45 segundos é adicionado lúpulo… e isso durante uma hora. Fazendo uma conta simples, percebemos que foram 80 adições de lúpulo. São 7,5 kg em cada 1.500 L. Depois ainda são adicionados cerca de 5kg de lúpulo na fase de maturação (dry-hopping) usando três técnicas diferentes: adição de lúpulo direto no tanque, filtro de lúpulo e chá de lúpulo (hoptea).

O resultado é uma cerveja dourada com ótimo amargor, aromas cítricos, corpo leve, e teor alcoólico de 6,5%.

292x438e394302f383d09c1def8166d8f5564f4Cerveja: Júpiter IPA

Transparência: Levemente turva

Cor: Dourado

Espuma: Creme branco, de alta formação

Aroma: Cítrico e herbal

Sabor: Cítrico levemente maltado, com alto amargor, corpo leve e ótimo drinkability

Copo: Caldereta

img_1552

Gosta de lúpulo? Então experimente aqui e aqui!

Geladas – Landel Session IPA

logo-landel-02

Passeando pelo bairro tropecei em uma cervejaria chamada Birraria Cervejas Especiais e decidi entrar para conferir. Muito bem atendido pelo Alex, ele me contou que a casa havia inaugurado no dia anterior e é uma ótima opção para quem mora aqui na ZN de São Paulo.

Procurando justamente alguma cerveja diferente para fazer o tradicional e semanal post de geladas, o Alex me indicou a sensacional Landel Session IPA. Nunca havia tomado nenhuma Session IPA, mas logo na primeira golada já gostei muito. Ela segue a tendência das IPAs, marcada pelo lúpulo e aroma cítrico, porém com uma adaptação ao nosso paladar brasileiro. Os lúpulos americanos usados conferem aromas cítricos e herbais, com menor graduação alcoólica (4,8% ABV, aproximando-se de uma Pale Ale), tornando-a mais leve e mais refrescante.

A cervejaria Landel foi o resultado de três loucos campineiros apaixonados por cerveja que decidiram criar um novo conceito de cervejas especialmente voltadas para o público brasileiro. Para se ter uma ideia, a cerveja deve ser mantida sob refrigeração até ser apreciada. Após servi-la, você sentirá o aroma marcante e já no primeiro gole entenderá o ótimo drinkability. E, como toda IPA, harmoniza muito bem com burguers e queijos amarelos.

cervejas17Cerveja: Landel Session IPA

Transparência: Levemente turva

Cor: Castanho claro

Espuma: Bege clara, de média formação

Aroma: Cítrico e herbal marcante

Sabor: Amargor leve

landel-ipa

Dê uma conferida no site da Birraria, se puder vá conhecer e Birra Che Te Fa Bene!!

Geladas – Madalena IPA

logomadalena_baixa

Mais uma IPA de respeito, a Madalena IPA é mais uma magnífica representante nacional do estilo India Pale Ale. Com mais de dez tipos de cervejas, a Cervejaria Premium Paulista foi fundada em 2012 produz cervejas com qualidade usando insumos importados. A IPA é uma mescla de dulçor, amargor e cictricidade… cerveja para quem gosta de cerveja.

Como disse nesse post aqui, essa IPA é na verdade uma American IPA porque leva ingredientes locais em sua fabricação. No caso da Madalena IPA é o maracujá que aparece fortemente no aroma e segue no sabor acompanhado do amargor característico do estilo. Você sentirá também o sabor levemente adocicado, mas nada que atrapalhe ao paladar. E, como toda IPA, acompanha muito bem um burguer, além de steaks e comidas salgadas.

cerveja-madalena-ipa-600mlCerveja: Madalena IPA

Transparência: Levemente turva

Cor: Castanho avermelhada

Espuma: Bege, de média formação

Aroma: Cítrico, do maracujá, e herbal

Sabor: Segue aroma, com marcante amargor

img_0940

Agradecimento especial à Bibi pelo maravilhoso presente de aniversário!

 

 

Geladas – Colorada Vixnu

Colorado+Vixnu+1.5

Já falei das IPAs aqui, aonde destaquei toda a qualidade da Colorado Indica. Hoje, é a vez da Colorado Vixnu, uma IPA Imperial feita sobre a receita original da Indica, porém com maltes e lúpulos realçados. Inicialmente foi chamada de Double IPA e agora batizada como Vixnu, assim como todas as outras Colorado. Vixnu é um Deus da religião hindu responsável pela manutenção do universo. E se prestar atenção no rótulo verá o tradicional urso pardo meditando, segurando dois copos de cerveja, lúpulo e trigo.

Realmente não é por acaso que o urso segura o galho de lúpulo, pois a Colorado Vixnu é dotada de muito lúpulo americano. O amargor não aparece no momento da golada, apenas após algum tempo. No início você sentirá os aromas cítricos do maracujá, muito frescos e refrescantes, mas depois do primeiro gole você percebe todo o corpo de uma cerveja muito agradável e equilibrada.

colorado_vixnuCerveja: Colorado Vixnu

Transparência: Translúcida

Cor: Amarelo escuro

Espuma: Branca, de média formação e persistência

Aroma: Cítrico, vindo do maracujá

Sabor: Floral e maracujá, com final amargo

IMG_0904

Geladas – Brooklyn East IPA

brooklyn-east-india-pale-ale

E seguindo esse post aqui, vou falar hoje da Brooklyn East IPA. Das IPAs eu já falei nesse post aqui, porém esse exemplar da terra do Tio Sam faz jus ao estilo e harmoniza muito bem com burguers.

Marcante pela coloração castanho avermelhada levemente turva, essa IPA é bem equilibrada e possui amargor mais controlado e utiliza malte britânico em sua composição. O preço não é convidativo, mas como disse no post anterior vale a experiência!

cerveja_brooklyn_east_ipa_2Cerveja: Brooklyn East IPA

Transparência: Levemente turva

Cor: Castanho avermelhada

Espuma: Bege, de média formação

Aroma: Cítrico e herbal

Sabor: Amargor leve

IMG_0733

Geladas – Colorado Indica

Atendendo ao pedido do meu grande amigo de infância, Caio Cabeça, minha indicação de hoje é a Colorado Indica. Natural de Ribeirão Preto, essa representante do estilo India Pale Ale, ou IPA, marca pelo sabor forte, amargor e presença de álcool. Por levar rapadura em sua composição, um ingrediente nativo, devemos nomeá-la como American IPA.

A origem das IPAs se deu no século XVIII, produzida especialmente para os oficiais do exército britânico residentes na Índia durante o período colonial. Eles enfrentavam insuportáveis temperaturas e ausência de água potável. Para ajudar a suportar essas adversidades durante a viagem da Inglaterra até a Índia, consumiam a original English IPA. O termo “Pale” se deu por ser uma cerveja clara (pálida), comparada com as tradicionais inglesas.

Com certeza, a Colorado Indica é uma das mais importantes representantes nacionais do estilo. Ganhadora de prêmios, sendo o mais importante deles no respeitado guia inglês Pocket Beer Guide, o guia de cervejas mais importante do mundo. Não deixe de experimentar!

Cerveja-Colorado-Indica-600mlCerveja: Colorado Indica

Transparência: Levemente turva

Cor: Acobreada

Espuma: Bege, de boa formação e persistência

Aroma: Caramelado

Sabor: Amargor forte e persistente, levemente tostado

IMG_0684